• Direito_na_FABE

  • graduação

  • /pos-graduacao

Acadêmicas de Pedagogia visitam a região das Missões

     No dia 25 de novembro de 2017, o VI nível do curso de Pedagogia da FABE realizou visita de estudo na região das Missões Jesuíticas Guarani. A visita foi organizada pelas disciplinas de FTM de história, ministrada pela Professora Márcia Carbonari e pela disciplina de FTM de artes, ministrada pela Professora Roberta Bassani Federizzi. Os acadêmicos tiveram a oportunidade de conhecer o Museu Antropológico Diretor Pestana, de Ijuí, Museu Municipal e Catedral Angelopolina de Santo Ângelo, a Fonte Missioneira, Museu das Missões e Sítio Arqueológico de São Miguel Arcanjo na cidade de São Miguel das Missões.
     As missões ou reduções foram aldeamentos indígenas criados e administrados por padres jesuítas, entre os séculos XVII e XVIII. Na chamada segunda fase, entre 1680 e 1750, foram criados sete novos aldeamentos na região da bacia do rio Uruguai: São Borja (1682); São Nicolau, São Miguel e São Luís Gonzaga (1687); São Lourenço (1691); São João (1697); e Santo Ângelo (1706).
     Estes aldeamentos eram administrados por jesuítas construídos segundo um mesmo plano, onde moravam até quatro mil indígenas em média, sendo que São Miguel chegou a ter 8 mil. O centro da redução era a praça e a Igreja. Ao lado alinhavam-se as oficinas, a escola, a igreja, o cemitério e a casa das viúvas e órfãos, o cotiguaçu. A escola tinha um pátio central com salas de aula, refeitório e cozinha e era destinada aos meninos que se alfabetizavam. Nas oficinas eles aprendiam música e canto e dedicavam-se ao aprendizado de algum ofício. Tipografia, escultura, pintura, tecelagem, metalurgia, música e canto foram alguns dos setores incentivados pelos missionários. Atrás da igreja se estendiam o pomar e a horta. As moradias dos Guarani se erguiam do outro lado da praça e possuíam varandas. O aldeamento contava ainda com uma portaria, uma hospedaria, uma prisão e um relógio de sol.
     O Sítio Arqueológico de São Miguel Arcanjo, situado na cidade de São Miguel constitui o sítio mais importante e melhor preservado do conjunto dos Sete Povos das Missões, no Brasil. O sítio de São Miguel das Missões foi incluído na lista do Patrimônio Mundial da UNESCO em 1983. O destaque é dado aos vestígios remanescentes da Igreja construída em pedra gres, entre 1735 e 1745 e ao Museu das Missões que guarda uma coleção de esculturas sacras em madeira que pertenceram às reduções dos Sete Povos.
     Pela riqueza cultural e histórica presente neste território gaúcho, é importante conhecê-lo, conteúdo fundamental para todos aqueles que atuam na docência, aqui em especial os acadêmicos do curso de Pedagogia da FABE.

 

Agenda da Fabe

webgiz enade edital2013 webmail img incubadora politica descontos fies prouni