Notícias

Novo Júri Popular acontece na FABE

Foto

Pela segunda vez em pouco mais de seis meses, o Poder Judiciário da Comarca de Marau realiza na Faculdade da Associação Brasiliense de Educação – FABE sessão do Júri. Na próxima terça-feira (14), a partir das 9h15 da manhã no auditório A será julgado Guilherme Siqueira acusado por homicídio praticado no dia 15 de dezembro de 2017.  O crime ocorreu na Rua Governador Ernesto Dornelles no bairro Rigo, quando Elisandro Rolim foi morto por golpes de faca em sua residência, após desentendimento com o acusado.

A sessão do Júri será presidida pela Juíza de Direito da 1ª Vara Judicial, Margot Cristina Agostini, tendo na acusação o Ministério Público. De acordo com a Juíza, a primeira experiência no final do mês do outubro de 2018, quando do julgamento de crime de feminicídio foi positiva na FABE. Em razão disso, optou por repetir a experiência, visando fortalecer o Curso de Direito existente na instituição, proporcionando que os acadêmicos possa acompanhar a sessão do Júri.

A FABE em conjunto que o Poder Judiciário promoveu diversas ações de organização da estrutura para a realização do Júri Popular. A Direção da Instituição afirma estar honrada pela iniciativa do Poder Judiciário de realizar duas sessões do Júri em pouco mais de seis meses em espaço acadêmico.

Foto: Arquivo FABE

Categoria: